Atuação interdisciplinar na atenção básica de saúde: a inserção da residência multiprofissional [Performance interdisciplinary in primary health: inserting the multidisciplinary residency]

Danielle Bezerra Maia, Ellen Thais Graiff de Souza, Rosângela Martins Gama, Janaína Costa Lima, Paula Chagas de Farias Rocha, Yoshiko Sassaki

Resumo


O objetivo deste trabalho é analisar a inserção da Residência Multiprofissional em Saúde na atenção básica visando a construção de ações interdisciplinares na busca de novas formas de assistência em saúde no nível primário. Trata-se de uma pesquisa qualitativa de caráter descritivo sobre a experiência e as atividades desenvolvidas por residentes multiprofissionais da Universidade Federal do Amazonas nos meses de junho a dezembro de 2010. A equipe era formada por seis profissionais das áreas de enfermagem, educação física, fisioterapia, farmácia e serviço social. Foram realizadas atividades educativas e práticas em grupo, debates, palestras com recursos áudio visual, dois cursos para gestantes enfocando os cuidados da mãe e do bebê, um programa para idosas com monitoramento de glicemia e de hipertensão, atenção farmacêutica, atividade física, acompanhamento fisioterapêutico  e  lazer, além do acompanhamento domiciliar de dois idosos. A inserção de uma equipe de residentes multiprofissionais em uma Unidade Básica de Saúde indicou a possibilidade e a necessidade da construção de ações interdisciplinares na busca de novas formas de assistência em saúde no nível primário. Essas ações mostraram-se coerentes com os princípios do Sistema Único de Saúde, através de práticas que estimularam a interação entre as disciplinas, resultando na troca de saberes, criando a possibilidade de um trabalho interdisciplinar, humanizado e com integralidade. Sendo assim, a interdisciplinaridade estimulada no decorrer da atuação dos residentes mostrou-se de grande contribuição para alcançar o objetivo principal das práticas de saúde, que é a saúde integral do indivíduo.

 

ABSTRACT - The objective of this paper is to analyze the insertion of Health Multiprofessional Residence in primary care aimed at building interdisciplinary actions in seeking new forms of health care at the primary level. This is a qualitative research being a descriptive study on the experience and multidisciplinary activities by residents at Universidade Federal do Amazonas in the months from June to December 2010. The team consisted of six professionals from the fields of nursing, physical education, physiotherapy, pharmacy and social service. Were conducted educational activities and practices in group discussions, lectures with audio visual resources, two courses focusing on the care of pregnant mothers and babies, a program for seniors with monitoring blood glucose and hypertension, pharmaceutical care, physical activity, physiotherapeutic follow and leisure, as well as two elderly home care. The insertion of a multiprofessional team of residents in a UBS indicated the possibility and necessity of building interdisciplinary actions in seeking new forms of health care at the primary level. These actions proved to be consistent with the principles of the Health System, through practices that encouraged interaction between disciplines, resulting in the exchange of knowledge, which generate a new internal configuration, creating the possibility of interdisciplinary work, and humanized with integrity.Thus, interdisciplinarity stimulated during the performance of professional Multiprofessional Residence proved of great assistance to achieve the main goal of health practices, which is the health of the individual.

Keywords: Health Education; Interprofessional Relations; Primary Health Care

Palavras-chave


Educação em Saúde; Relações Interprofissionais; Atenção Primária à Saúde

Texto completo:

PDF/A


Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.

Saúde & Transformação Social/Health & Social Change, ISSN 2178-7085, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil.