Um modelo de avaliação do grau de aplicação de ferramentas lean em empresas construtoras: o Rapid Lean Construction-Quality Rating Model (LCR)

Autores

  • Bruno Fernandes de Oliveira Universidade Federal da Fronteira Sul - UFFS
  • Maria do Carmo Duarte Freitas
  • Alexander Hofacker Karlsruhe University
  • Fritz Ghebauer TMB-Karlsruhe University
  • Ricardo Mendes Junior

Palavras-chave:

Lean Construction, Modelo de avaliação, Grau de aplicação lean.

Resumo

Frente às exigências do mercado da construção civil, e da concorrência, as empresas de construção buscam novos processos, produtos e ferramentas para a execução de obras. A Lean Construction é uma filosofia que vem sendo estudada pela academia e aplicada pelas empresas para melhorar seus processos, otimizar fluxos e aumentar a qualidade de seus produtos. Diante da dificuldade em mensurar as vantagens que a aplicação dos conceitos da Lean Construction trás às empresas construtoras, foi desenvolvido um modelo de classificação de empresas quanto ao grau de aplicação de ferramentas lean: O Rapid Lean Construction-Quality Rating Model (LCR), um modelo que oferece uma avaliação categorizada, com fácil visualização e interpretação dos resultados. Este artigo apresenta a aplicação do LCR em quatro canteiros de obras: dois em Curitiba/PR – os quais não possuíam a filosofia –, um em Porto Alegre/RS e um em Herrenberg (Alemanha) – estes com a presença da filosofia. Os resultados e a classificação das empresas mostram como o modelo de avaliação proposto no LCR pode ser usado de forma simples para medir o grau de aplicação de ferramentas relacionado com a busca da filosofia Lean pelas empresas construtoras, e também permite a visualização da diferença na qualidade da obra entre canteiros onde existe a filosofia e outros onde não existe.   10.13084/2175-8018.v02n04a08

Downloads

Edição

Seção

Artigos