Atividade física do trabalho versus atividade física do lazer: a falta de informação e incentivo em populações ribeirinhas do Médio Solimões [Physical activity for work versus physical activity for leisure: the lack of information and encouragement in..]

Elisangela Domingos Miranda, Kaliny Souza Lira, Any Caroline Bezerra Alencar, Adriana Rosmaninho Caldeira Oliveira

Resumo


A atividade física pode ser entendida como uma opção comportamental que se apresenta como meio de suma importância para o bom funcionamento corpóreo, assim como nos efeitos psicológicos melhorando a auto-estima, e o comportamento social, aprimorando a condição de saúde do individuo. Objetivos: Os objetivos foram identificar quais as atividades físicas realizadas pelos ribeirinhos de seis comunidades do Médio Solimões, e levantar quais as dificuldades existentes para a realização destas. Foram aplicados questionários semi-estruturados com enfoque no objetivo do estudo, em indivíduos do sexo masculino e femininos maiores de 18 anos em seis comunidades ribeirinhas do Amazonia. Após a coleta dos dados, realizou-se a categorização e a analise crítica do material. Resultados: A atividade física no trabalho prevaleceu, no entanto, emergiram as questões de práticas esportivas com menor freqüência de realização. A justificativa para tal foi dada pelo fato das atividades trabalhistas (agricultura, pesca, e atividades domésticas) serem mais desgastantes minimizando o incentivo para o esporte. Conclusão: Há uma necessidade para a transferência de informação à população ribeirinha quanto à ciência da educação física, com intuito de apresentar atividades físicas, recreativas e de lazer de forma a complementar o aspecto da vida cotidiana.

 

ABSTRACT – Physical activity can be understood as a behavioral option that presents itself as a means of great importance for the proper body functioning as well as the self-esteem is improved by the psychological effects and the social behavior is improved by the health status of the individual. Objectives: The objectives aimed to identify the physical activities performed by the six rivermen communities in Amazonia and point out the existing difficulties to achieve these. There were applied semi-structured questionnaires to males and females over 18 years old in six Amazonian riverside communities with a focus on the objectives of the study. The categorization and critical analysis of the material took place after the data collection. Results: Physical activity at work prevailed, however, the issues of sports with less frequency emerged. That was explained by the fact that the labor activities (agriculture, fishing, and domestic activities) are more stressful and it reduces the sport initiative. Conclusion: There is a need of teaching the physical education science to the riverside population aiming to provide physical, recreational and leisure activities to complement aspect of the everyday life.

Keywords: Physical Activity; Riverman; Amazonian Ecosystem


Palavras-chave


Atividade Física; Ribeirinho; Amazônia

Texto completo:

PDF/A


Saúde & Transformação Social/Health & Social Change, ISSN 2178-7085, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil.