Centros De Atenção Psicossocial Álcool E Drogas: Da Proposta Às Práticas Cotidianas

Camila Mugnai Vieira, Samira Ghosn

Resumo


O alto índice de abuso de substâncias psicoativas no Brasil e os consequentes prejuízos que isso acarreta têm motivado diversos estudos sobre o tema, bem como impulsionado o Ministério da Saúde a propor estratégias de prevenção e tratamento para este problema, como os Centros de Atenção Psicossocial Álcool e Drogas (CAPSad). O presente estudo descreveu e analisou as organizações dos serviços e os tipos de tratamentos oferecidos em CAPSad de três municípios do interior do estado de São Paulo e verificou sua consonância com as Políticas Nacionais atuais. Os resultados evidenciaram que ainda há um distanciamento entre a atuação e as propostas. Concluiu-se que é preciso um investimento em Educação Permanente das equipes para que essa adequação ocorra.


Palavras-chave


Reabilitação, Serviços de saúde mental, Transtornos relacionados ao uso de substâncias, Saúde mental, Centros de tratamento de abuso de substância.

Texto completo:

PDF


Saúde & Transformação Social/Health & Social Change, ISSN 2178-7085, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil.