Reforma da Previdência: Qualificando o debate brasileiro à luz de experiências internacionais

Lena Lavinas, Ana Carolina Cordilha

Resumo


Este artigo apresenta o que é o regime de capitalização ora em debate no Brasil, explicando como ele se encaixa em uma transformação estrutural profunda do capitalismo global, liderado pelos mercados financeiros. Retrata como a grande crise financeira de 2008 impactou as contas individuais em países que implementaram a capitalização, ressaltando os riscos desse regime e apontando alternativas para o fortalecimento dos sistemas de repartição simples.

Texto completo:

PDF/A

Referências


REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

ANBIMA – Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais. Consolidado Histórico dos Fundos de Investimentos, 2019. Disponível em: . Acesso em: 05 jun. 2019.

BACEN – Banco Central do Brasil. Relatório Mensal da Dívida Pública Federal de dezembro de 2018. 2018.

BARR, Nicholas. Economics of the Welfare State. New York and Oxford: Oxford University Press, 2004.

BARR, N.; DIAMOND, P. Reforming Pensions: Principles and Policy Choices. New York and Oxford: Oxford University Press, 2008.

COMISIÓN BRAVO. Comisión Asesora Presidencial sobre el Sistema de Pensiones: Informe Final. 2015. Santiago do Chile. Fonds de Réserve pour les Retraites (FRR). Communiqué de Presse du 19 février 2019.

GENTIL, Denise Lobato. A Política Fiscal e a Falsa Crise da Seguridade Social Brasileira. Rio de janeiro : Maud X, 2019.

GHILARDUCCI, Teresa. The recession Hurts Americans Retirement Accounts More than Everyone Thought. In: The Atlantic, October 16 2015. Disponível em: . Acesso em: 06 jun 2019.

HASSEL, A.; NACZYK, M.; WISS, T. The political economy of pension financialization: public policy responses to the crisis. In: Journal of European Public Policy, Published online: 12 Feb. 2019.

LAVINAS, L.; ARAUJO, E. Reforma da previdência e regime complementar. In: Revista de Economia Política, v. 37, n. 3 (148), jul-set/2017.

LAVINAS, L.; GENTIL, D. Brasil anos 2000: a política social sob regência da financeirização. In: Novos Estudos CEBRAP, v. 37, n. 2. 2017.

MINISTÉRIO DA FAZENDA. Secretaria da Previdência. Anuário Estatístico da Previdência Social, 2017.

OIT – Organização Internacional do Trabalho. Reversing Pension Privatization: Rebuilding public pension systems in Eastern European and Latin American countries (2000-18). ESS – Working Paper n. 63. 2018.

OCDE – Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico. Pension Markets in Focus. 2018.

______. Pensions at a Glance. 2017.

______. OECDStat, 2019. Disponível em: . Acesso em: 05 jun. 2019.

SAFATLE, C.; GRANER, F. Governo quer sistema sem aporte patronal. In: Jornal Valor Econômico, 03 abr. 2019.

ZWAN, Natascha Van Der. Financialisation and the Pension System: Lessons from the United States and the Netherlands. Journal of Modern European History, vol 15, 2017-4.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Rev. NECAT, ISSN 2317-8523, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil.