O mercado de trabalho formal de Criciúma: uma análise a partir da matriz insumo-produto

Giovani da Silva Mendes, Thiago Rocha Fabris

Resumo


Atualmente o município de Criciúma busca entender sua estrutura produtiva. Por este motivo torna-se necessária a construção de instrumentos de análise regional que possibilitem essa compreensão. A Matriz de Insumo-Produto tem papel essencial para a elaboração de políticas públicas e/ou privadas e deve ser utilizada como instrumento pelos formuladores de políticas econômicas. Fundamentado nas principais teorias e métodos de desenvolvimento regional o artigo apresenta o comportamento setorial em termos do valor bruto de produção e valor adicionado correlacionando-os com o mercado de trabalho formal para o município de Criciúma. No segundo momento apresentam-se os conceitos metodológicos que envolveram a construção da Matriz de Insumo-Produto. Por fim, constata-se que Criciúma possui uma estrutura produtiva diversificada, apresentando grandes setores prestadores de serviços que ostentam um número elevado de postos de trabalho formais.

Palavras-chave


Mercado de trabalho; Economia regional; Matriz insumo-produto

Texto completo:

PDF/A

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Rev. NECAT, ISSN 2317-8523, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil.