A Solidariedade como dispositivo terapêutico na Rede de Atenção Psicossocial

Elyana Teixeira Sousa, Rosilda Veríssimo Silva

Resumo


As redes de atenção à saúde são uma estratégia do Sistema Único de Saúde para a integralidade da atenção. As redes de atenção psicossocial têm por objetivo a expansão e articulação dos pontos de atenção em saúde mental. A característica das relações entre os serviços, trabalhadores e sociedade, num contexto de redes evoca o tema da solidariedade, que tem o potencial de consolidar as redes com relação a monitorar os tratamentos e cuidados em saúde mental. A solidariedade envolve esses agentes em corresponsabilidade dos diferentes atores e níveis de atenção à saúde. A solidariedade também é suporte na manutenção da horizontalidade das relações entre os diferentes sujeitos em seus diferentes processos de viver, importante para o estabelecimento de ações terapêuticas no território. É ela que mantém viva e forte a rede de cuidados e, em saúde mental, a solidariedade contribui no entendimento e repeito aos diferentes modos de ser.


Palavras-chave


Redes de Atenção Psicossocial; Solidariedade; Saúde Mental.

Texto completo:

PDF/A

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Cadernos Brasileiros de Saúde Mental, ISSN 2595-2420, Florianópolis - Santa Catarina, Brasil. Todos os direitos reservados, 2018.