Fotografia de carnaval: experimentos com a plasticidade da vida e da arte

Karine Lima Verde Pessoa, Maria Goreth Rêgo Albuquerque, Francisco Paiva Filho, Juliano Moura da Cruz Soares, Natércia Cristina Siqueira Rios, Marta Lima Beleza

Resumo


A experiência artística e cultural tem sido frequentemente referenciada como um potente dispositivo de promoção da saúde e inclusão social. O presente relato versa sobre a participação de trabalhadores e usuários de um serviço de saúde mental em um bloco carnavalesco, bem como sobre o desdobramento dessa experiência e seu registro. Foram realizadas oficinas para elaboração e montagem de uma exposição fotográfica, em que foi produzida coletivamente uma narrativa visual acerca do vivido. Apresenta-se uma discussão sobre este dispositivo a partir de uma visão ampliada da clínica, o qual mostrou-se consoante com a luta viva da Reforma Psiquiátrica, apontando possibilidades para além do enquadre biomédico, na perspectiva da produção de vida.


Palavras-chave


Saúde Mental; Arte; Inclusão Social.

Texto completo:

PDF/A

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Cadernos Brasileiros de Saúde Mental, ISSN 2595-2420, Florianópolis - Santa Catarina, Brasil. Todos os direitos reservados, 2018.