Perfil dos usuários do centro de atenção psicossocial e do programa de saúde mental no município de Orleans - SC

Karin Martins Gomes, Francielli Bellettine

Resumo


Com o objetivo de delinear o perfil dos usuários do Centro de Atenção Psicossocial (CAPS) e do Programa de Saúde Mental no município de Orleans – SC, realizou-se uma pesquisa documental, por meio dos prontuários dos usuários do período de janeiro de 2009 até junho de 2010. Tendo como foco a coleta dos seguintes dados: gênero, idade, ocupação, diagnóstico, profissionais consultados, internação psiquiátrica e uso de psicofármacos. Foram coletados dados de 208 prontuários do CAPS I e 401 do Programa de Saúde Mental. No CAPS I, conclui-se que maioria são do sexo feminino, idade entre 41-50 anos, hipótese diagnóstica de maior frequência transtornos classificados pela CID-10 entre F30-F39, os transtornos afetivos de humor, seguem o regime semi-intensivo de tratamento, tiveram internação psiquiátrica e fazem uso de psicofármacos. No Programa de Saúde Mental, maioria são do sexo feminino, entre 41-50 anos, como hipótese diagnóstica de maior frequência transtornos classificados pela CID-10 entre F30-F39, os transtornos afetivos de humor, tiveram internação psiquiátrica e  fazem uso de psicofármacos. Conhecendo o usuário podemos repensar a atenção psicossocial, verificando se a proposta da reforma psiquiátrica está sendo realizada nestes serviços, pois esta proposta é um contínuo processo de pensar as práticas e recriá-las.


Palavras-chave


Usuários; Transtorno Mental; Programa de Saúde Mental; Centro de Atenção Psicossocial - CAPS.

Texto completo:

PDF-A

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Cadernos Brasileiros de Saúde Mental, ISSN 2595-2420, Florianópolis - Santa Catarina, Brasil. Todos os direitos reservados, 2018.