Modelos de mensuração do capital intelectual para tomada de decisão e variáveis de desempenho

Caroline Rodrigues Vaz, Paula Regina Zarelli Rocha, Viviane D’ Barsoles Gonçalves Werutsky, Paulo Mauricio Selig, Aran Bey Tcholakian Morales

Resumo


Este artigo tem por objetivo realizar uma revisão de modelo para mensuração do capital intelectual para tomada de decisão. A construção do presente artigo desenvolveu-se através de levantamento bibliográfico abrangendo o tema Capital Intelectual abordando seus objetivos, peculiaridades e definições. Foi apresentada uma classificação dos métodos a partir da perspectiva de Sveiby (2011), bem como 30 modelos para avaliação do Capital Intelectual. Pode-se concluir que os modelos diferem pelo contexto de aplicação, ativos considerados e conjunto de indicadores de mensuração, para melhor tomada de decisão. 


Palavras-chave


Capital Intelectual; Ativos Intangíveis; Métodos de Mensuração

Texto completo:

PDF/A

Referências


BONTIS, N. Assessing knowledge assets: a review of the models used to measure intellectual capital. International Journal of Management Reviews, v. 3, n. 1, p. 41-60, 2001.

BROOKING, A. Intellectual Capital: Core Assets for the Third Millennium Enterprise. Thomson Business Press, London, United Kingdom, 1996.

BUKH, N. et al. Intellectual capital statements on their way to the Stock Exchange ? The Aarhus School of Business, Working Paper, mar. 2003.

CHEN, Y.S. The positive effect of green intellectual capital on competitive advantages of firms. Journal of Business Ethins, v. 77, p. 271-286, 2008.

DZINKOWSKI, R. The measurement and management of intellectual capital: an introduction. Trabalho comissionado pela International Federation of Accountants. Publ. em 1998. Disponível em: . Acesso em 02 mar. 2012.

EDVINSSON, L.; MALONE, M. S. Capital intelectual. São Paulo: Makron Books, 1998.

FROST, B. Measuring performance: using the new metrics to deploy strategy and improve performance. Dallas – TX, 2000.

GIL, A.C. ¬¬Como elaborar projetos de pesquisa. 4ºed., São Paulo: Atlas, 2002.

GRACIOLI, C. Impacto do capital intelectual na performance organizacional. 2005. 135f. Dissertação (Mestrado em Administração), Universidade Federal de Santa Maria, Rio Grande do Sul, 2005.

GRANSTRAND, O. Intellectual Capitalism: an overview. Nordic Journal of Political Economy, v. 25, p. 115-127, 1999.

GUTHRIE, J. The management, measurement and the reporting of intellectual capital. Journal of Intellectual Capital, v.2, n.1, 2001.

HARVARD BUSINESS REVIEW. Medindo o desempenho empresarial. SERRA, Celso da Cunha (trad). Rio de Janeiro: Campus, 2000.

HOSS, O.; ROJO, C.A.; GRAPEGGIA, M. Gestão de Ativos Intangíveis. São Paulo: Atlas, 2009.

KAPLAN, R.S.; NORTON B. A estratégia em ação: balanced scorecard. São Paulo: Campus, 1997.

LAKATOS, E.M.; MARCONI, M.A. Metodologia Científica. 3ºed., São Paulo: Atlas, 2000.

LEV, B. Intangibles: management, measurement, and reporting. Washington: Brookings Institution Press, 2001.

LYNN, B.E. Intellectual capital: unearthing hidden value by managing intellectual assets. Ivey Business Journal, Toronto, jan./feb. 2000.

PACHECO, V. Mensuração e divulgação d capital intelectual nas demonstrações contábeis: teoria e empiria, 2005, f. 185. Tese (Doutorado em Engenharia de Produção), Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2005.

RODRIGUES, H.M. da S.S.; DORREGO, P.F.F.; FERNÁNDEZ, C.M.; FERNÁNDEZ, J. La influencia del capital intelectual en la capacidad de innovación de las empresas del sector de automoción de la Eurorregión Galicia Norte de Portugal. Tese de Doutorado. Universidade de Vigo – Espanha, 2009.

SILVA, R.; BILICH, F.; GOMES, L. F. M. Avaliação, Mensuração e Otimização de Ativos Intangíveis: utilização de método de apoio multicritério no Capital Intelectual. Encontro da Associação Nacional dos Programas de Pós-Graduação em Administração, 26. 2002, Salvador. Anais. Salvador: ANPAD, 2002. CDROM.

STEWART, T.A. Capital intelectual: a nova vantagem competitiva das empresas. Rio de Janeiro: Campus, 1998.

SVEIBY, K.E. Métodos de mensuração de capital intelectual. Disponível em http://www.sveiby.com/articles/IntangibleMethods.htm. Acesso em 5 de maio de 2012.

SVEIBY, K.E. A nova riqueza das organizações: gerenciando e avaliando patrimônios de conhecimento. Rio de Janeiro: Campus, 1998.

SULLIVAN, P. H. Value-driven intellectual capital: How to convert intangible corporate assets into market value. Wiley 2000.

TIEPOLO, G.M.; REBELATO, M.G. Uma proposta de sistema de medição de desempenho aplicado à área de desenvolvimento de sistemas em empresas de serviços financeiros. Anais..., XXIV Encontro Nac. de Eng. de Produção – Florianópolis, SC, Brasil, 03 a 05 de nov. de 2004.